Lumiares foi em tempos terra muito importante. Cabeça de Concelho e de Condado, no primeiro terço do século XIV era paróquia da diocese de Lamego. Teve foral antigo e D. Manuel concedeu-lhe foral novo em 9 de Março de 1515 com casa de Câmara, vereadores e justiça própria com juiz. Em 1834 o Concelho foi extinto. Do património de Lumiares destaca-se a capela paroquial, de invocação a Sra. da Graça, e o pelourinho, transformado em cruzeiro. Aqui viveram os filhos de Egas Moniz.
NRJ Leman

terça-feira, 19 de julho de 2011

Não percam o XVI Festival de Folclore


Como vem sendo hábito todos os anos, o Rancho Folclórico de Lumiares promove, no dia 23 de Julho 2011, mais um Festival Nacional de Folclore, 
Participam, além do grupo anfitrião, o Rancho Folclórico de Danças e Cantares do Fial (Albergaria - a - Velha), de S.Cosme de Gemunde (Maia), de Santa Maria de Negrelos Roriz (Stº Tirso) e por fim o Rancho Folclórico da Junta de Freguesia de Serrazes (S.Pedro do Sul), que vão proporcionar uma noite rica de folclore português.
Pede - se todo o Apoio dos habitantes de Lumiares, para não perder a oportunidade de viver mais uma noite de folclore em Lumiares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário